Atendimento à Idosos
Um processo de envelhecimento feliz para o ser humano, certamente passa por uma boa condição de saúde oral. Próteses bem confeccionadas ou mesmo dentes naturais em bom estado de conservação, mantém a fisionomia do idoso agradável aos outros e a si mesmo, aumentando sua auto estima. Do contrário, próteses mal feitas e/ou dentes em mau estado, provocam dores articulares, dificuldades de ingestão e digestão dos alimentos, com prejuízo à nutrição, agravamento da aparência senil, predisposição ao câncer bucal, infecções e até doenças cardíacas, entre outras.

A propósito, as estatísticas mostram que as lesões malignas na cavidade oral ocorrem com muito mais frequência na terceira idade e que fatores como fumo, álcool e até dentaduras que machucam, potencializam este risco.

Além disso as medicações anticonvulsivantes, ansiolíticos, as radio e quimioterapias, que favorecem - por efeito colateral - a ocorrência de cáries, problemas gengivais, necrose ússea, etc...

Logo, mais do que importante é fundamental a atenção aos cuidados de higiene, a observação e o estímulo ao paciente geriátrico, tanto para ele mesmo como para os seus familiares e aqueles com quem convive no dia a dia, e o acompanhamento profissional torna-se indispensável.

Muito natural é a dificuldade de qualquer pessoa em abandonar velhos hábitos, muito mais para quem já os carrega a várias décadas, e a aquisição de outros novos e saudáveis se faz através de muita insistência e incentivo, mas que com certeza traz um acréscimo na qualidade de vida

Daí é quase óbvio concluir o que na prática já é uma realidade:

LONGEVIDADE ESTA INTIMAMENTE RELACIONADA A UMA BOCA SAUDÁVEL

Texto: Dr. Jaques Leonhardt - CRO/RS 8356


 
(51) 3340.6057
contato@odontoplanalto.com.br
Clínica OdontoPlanalto CLM 1258

Resp. Téc.: CD Leonel Pereira Mendonça de Souza
Clinico Geral - CRO/RS 2202
Especialista em Odontologia em Saúde Coletiva
Especialista em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial
© Copyright 2016 - Todos os direitos reservados
WebCool